Blockchain para Educação: Meu Diploma é Case Internacional

A série de eventos itinerante Blockchain Workshops teve sua última edição realizada em Nairóbi, no Kenya. Organizado pela COALA, coalizão global de pesquisadores e desenvolvedores ligados a blockchain, contratos inteligentes e aplicações descentralizadas, os painéis de discussão e palestras na capital africana seguiram o modelo de eventos anteriores. Sempre com presenças ilustres do ecossistema global, como Peter Todd do Bitcoin Core e Vitalik Buterin da Ethereum, as conversas tratam sempre de analisar os últimos avanços tecnológicos da área e anteriormente passaram pelas universidades de Harvard e Stanford e também pelas cidades de Sydney, Hong Kong e Nova York.

Blockchain transformando indústrias

Com duração total de quatro dias, nos dois primeiros há reuniões fechadas, contando exclusivamente com os pesquisadores e desenvolvedores que integram a rede global da COALA. Divididos em grupos de trabalho, foram discutidos o grau de funcionalidade atual e o potencial futuro de blockchain em aplicações relacionadas a uma das oito áreas específicas a seguir:

  • Protocolos abertos;
  • Regulação e compliance;
  • Identidade e privacidade digitais;
  • Propriedade intelectual;
  • Interesse público e governança;
  • Transparência e auditoria;
  • Transferência de valores e interoperabilidade de sistemas;
  • Contratos inteligentes.

A partir do que surgiu em caráter conclusivo dos grupos de trabalho, os responsáveis por cada um deles escreveram relatórios detalhando as principais vantagens e as eventuais limitações do uso de blockchain nos variados setores. Com base nesse material, os especialistas conduziram painéis nos dois dias seguintes dentro de sessões abertas ao público geral. O Africa Blockchain Workshop, em sua conferência aberta, contou com mais de 100 participantes, desde autoridades nacionais do continente africano a empreendedores, empresários e acadêmicos interessados nas transformações em curso.

Blockchain + Educação = Transparência

Tema de grande destaque, por ser o principal uso não-financeiro da blockchain na atualidade, a transparência e a auditabilidade do registro público das informações nela contidas chamaram a atenção pelo potencial de uso que representam em múltiplos setores, de cadeia de suprimentos à propriedade intelectual. Entretanto, quem mais chamou a atenção na apresentação de cases de uso nesse campo foi o setor educacional. Apontada como uma grande beneficiada de tais inovações, a Educação foi inicialmente abordada no evento por Gabriel Aleixo, desenvolvedor de negócios da A Star. Na ocasião, ainda durante o início das discussões, Aleixo demonstrou o case de uso da plataforma da companhia chamada Meu Diploma Digital. Ao destacar características como a imutabilidade e a acessibilidade, que podem ser atreladas às mais variadas certificações, uma vez que as instituições competentes digitalizem os documentos e determinem um selo no tempo para a assinatura digital de cada um deles a partir da rede Bitcoin, Aleixo evidenciou a transparência e a confiabilidade que isso pode atribuir a diversos sistemas.

Acesse o Meu Diploma Digital e faça um teste gratuito de nossa plataforma agora!

Tendência deve crescer mundo afora

No dia seguinte, durante uma das keynotes públicas mais elogiadas pelo público, Nyimbi Odero, Ministro da Tecnologia do Quênia, apontou que o governo do país está firmando parcerias com empresas globais para a gestão de documentos educacionais. Com foco na digitalização e autenticação transparente de certificações, Odero destaca que o sistema permitirá ao governo uma melhor gestão dos recursos públicos da área educacional, uma vez que a implementação reduzirá drasticamente a possibilidade de fraude por parte de alunos, professores e outros agentes.

É importante destacar também as novas possibilidades que o registro na blockchain pode gerar, a exemplo da avaliação continuada com registros de desempenho digitalizados e periódicos, a análise pública de dados anonimizados sobre a qualificação de múltiplos alunos e escola, dentre outras.


Gabriel Aleixo

Co-criador e apresentador da websérie Bitcoin em Português.

Palestrante em eventos nacionais e internacionais de tecnologia.


 

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?